Planos de Saúde de 17 Operadoras Estão Suspensos pela ANS:

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) suspendeu a comercialização de 44 (quarenta e quatro) planos de saúde de 17 (dezessete) operadoras em todo o Brasil, sendo esta decisão válida desde o último dia 09 de março, e por tempo indeterminado.

Esta medida é chamada de Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento e é tomada pela ANS trimestralmente, levando-se em conta problemas na qualidade dos serviços, usando como base a reclamação de diversos clientes e critérios próprios de apuração, tendo como objetivo forçar as Operadoras de Saúde a oferecerem serviços mais eficientes.

A suspensão não afeta os direitos dos consumidores que já possuem contratos em andamento, apenas impedindo novas contratações até que as operadoras comprovem melhorias, conforme critérios estabelecidos pela própria ANS.

As principais reclamações dos consumidores têm relação com autorizações de exames e atendimentos, franquia, coparticipação, prazos para atendimento, rol de procedimentos e coberturas, rede de atendimento, reembolso de procedimentos, rede de atendimento, cobertura em casos de doença ou lesão preexistentes e período de carência.

As outras exceções possíveis ao caso são a inclusão de novas pessoas como dependentes (novo cônjuge ou filho) e inclusão de ex-empregados que por motivo de demissão ou aposentadoria queiram permanecer com algum destes planos suspenso.

É importante reforçar ainda que as Operadoras não poderão usar a suspensão destes planos como pretexto para forçar os consumidores com contratos em andamento a contratar outros planos e nem ameaçar ou concretizar o cancelamento dos serviços, caso em que a própria ANS poderá ser comunicada do fato, sem prejuízo de eventual ação judicial para obrigar a manter a cobertura e reparar possíveis danos causados.

A lista com os planos de saúde suspensos pode ser consultada aqui.

Caso qualquer destes planos seja oferecido, recomenda-se que se faça denúncia a ANS através do número 0800 701 9656.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *